Luísa Ágnes

Não aprendi a amar

Amar é uma palavra muito forte, eu sei, mas tanta gente já a utiliza sem pudor que me veio a inspiração para esse texto. Não aprendi a gostar, amar, que...

Gostei de você

Gostei de você e de tudo o que me fez sentir aquele dia. Gostei do beijo e do calor dos seus braços. Das conversas sobre a vida e do almoço improvisado.