Brasil no International Fashion Showcase

A ABEST (Associação Brasileira de Estilistas) + a Apex-Brasil (Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos) + a Embaixada do Brasil em Londres, se juntaram no International Fashion Showcase, para apresentar o trabalho de promissores estilistas internacionais durante a London Fashion Week.

International Fashion Showcase capa

O evento, que revela anualmente os novos designers mais interessantes de todo o mundo, acontece entre os dias 20 e 24 de fevereiro de 2015 e ao todo são 30 países concorrendo e 130 designers. A notícia boa é que a ABEST e a Apex-Brasil levarão cinco marcas brasileiras para representar nosso país dentro do tema moda praia: Cecilia Prado Mare, Fernando Cozendey, Sinesia Karol, Triya e Virzi +De Luca!

A curadoria ficou por conta de Lenny Niemeyer, que proporcionará uma experiência sensorial aos visitantes.

“Para criar o cenário tive como ponto de partida o elemento água, em sua forma mais representativa: os oceanos e mares, e que apesar de possuir uma água transparente, pode parecer azul, verde e até cinza. E é sob a influência desse azul do mar que conceituei toda a exposição intitulada como Infinity Blue In Brazilian Contemporary Art”, conta a estilista.

O país com o grupo de maior destaque será escolhido por Sarah Mower, embaixadora no BFC e presidente do comitê NEWGEN, que seleciona novos talentos de design para a Semana de Moda de Londres. O vencedor será anunciado na cerimônia de premiação, que acontece no dia 22. O grupo de criadores passará a compor um seleto painel de experts da indústria fashion.

“Esta será a segunda vez que o Brasil marcará presença no evento. Obtivemos um saldo muito positivo na exposição que realizamos em 2014 e neste ano não será diferente, pois acreditamos no potencial e no trabalho realizado pelas nossas grifes nacionais”, destaca Roberto Davidowicz, presidente da ABEST.



Participantes Brasileiros



International Fashion Showcase

  1. Lenny Niemeyer: Produz biquínis e maiôs, bolsas, sapatos, acessórios e uma coleção de roupas e malhas, que já representam 30% do faturamento. O gosto pela natureza presente em suas estampas é reflexo de sua carreira anterior como paisagista. A marca exporta para países da América Latina ao Oriente Médio, além de ter representações nos Estados Unidos, Europa e África, e está presente em locais como Portugal, França, Inglaterra, Estados Unidos, República Dominicana, Argentina, Venezuela, Canadá e Espanha.
  2. Virzi+ De Luca: Marcella Virzi, estilista conhecida pelas roupas artesanalmente sofisticadas e cheias de referências artísticas. Betina De Luca, ícone de estilo da nova geração. Duas amigas, uma paixão: bijoux. Da união dos sobrenomes surgiu a Virzi+De Luca, marca de acessórios que imprime nas peças de design um luxo cool que mistura a opulência do passado com o frescor da atualidade.
  3. Cecília Prado: Criada entre os rolos de fios da pequena fábrica de sua mãe, Yara Prado, Cecília ganhou gosto logo cedo pela moda. Após se formar em moda em São Paulo, a estilista voltou a sua cidade natal, Jacutinga, no sul do estado de Minas Gerais, para dar força à marca da mãe. Cecília tornou a marca homônima, aprimorou as técnicas, agregou informação de moda às coleções que passaram a ser semestrais, traçou novos rumos e objetivos. De lá pra cá, Cecilia Prado só cresceu e trouxe resultados positivos – se expandiu no mercado nacional, conquistou compradores internacionais, sendo encontrada nas melhores lojas de departamento internacionais.
  4. Fernando Cozendey: Carioca, formado em Design de Moda pelo SENAI/CETIQT, Fernando Cozendey, que já vinha experimentando o segmento beachwear, iniciou em 2011 sua marca homônima, desfilando dentro do projeto LAB da Casa de Criadores em SP.
  5. Sinesia Karol: Nasceu em Vitória, no Espírito Santo. Imersa em um mundo de processos de criação de todos os tipos, entre arte, música, arquitetuta e uma mãe que fazia a mão todas as roupas da família, o interesse de Karol pelo design foi inevitável. Após a sua escolaridade e mudança para Boston, Massachusetts, na idade adulta, a designer aprendeu que as mulheres e seus trajes de banho tinham uma cultura bastante diferente nos Estados Unidos em relação ao Brasil. Depois de se envolver filantropicamente nas comunidades de arte e de moda de Boston e do Brasil, ela percebeu uma demanda do mercado por uma linha de moda praia que atendesse a essas mulheres: algo com que elas se sintam confortáveis, mantendo-se na alta moda e na sofisticação. Karol decidiu lançar sua marca autoral, com foco tanto no design de luxo quanto na execução requintada do produto.
  6. Triya: Criada há pouco mais de três anos pelas sócias e amigas Isabela Frugiuele, Carla Franco e Bebel Fioravanti, tornou-se referência quando o assunto é beachwear. Os biquínis, maiôs, roupas e acessórios da marca expressam ideias e sonhos através de suas cores, formas, e estampas exclusivas. Referências diversas se transformam em inspiração para a criação das peças. Com modelagens diferenciadas e uma pesquisa de tecidos em busca de novos toques, o objetivo da marca é proporcionar novas sensações para suas clientes. As roupas e acessórios da marca são feitos para uma mulher chique e urbana, que não abre mão do conforto.