Do rosa para o Galaxy hair sem destruir o cabelo

Povo bonito: A Tia mudou de cor. Eu gostava muito do meu cabelo rosa com roxo, mas eu estava há muito tempo querendo um Galaxy hair. E foi isso que eu fiz duas semanas atrás! Demorei para falar sobre, mas hoje eu resolvi contar para vocês sobre como foi que eu fiz esse processo sem danificar extremamente meu cabelo.

Queria começar dizendo que: eu tive ajuda profissional. O galaxy hair que eu queria fazer era um processo muito complicado, e meu cabelo estava BASTANTE saturado de tinta rosa, então ia ser uma coisa muito difícil de fazer em casa. E assim foi muito mais seguro para os meus fios também.

O primeiro passo para conseguir as cores que eu queria foi tirar o rosa, mas para isso tivemos que descolorir meu cabelo INTEIRO. Exceto a raiz porque eu achei que ficaria legal deixar a raiz escura para fazer uma Shadow root bacana. E foi ai que entrou o pulo do gato para não deixar seu cabelo só a destruição: essa é a parte em que o descolorante vai retirar toda a pigmentação do seu cabelo, e junto com isso ele tira água, proteína, óleos naturais e tudo que há de bom nos fios. Então – sabendo que eu ia descolorir o cabelo inteiro – eu já comecei a cuidar e fortalecer ele beeeem antes.

galaxy hair descolorir sem estragar descolorindo o cabelo inteiro

Com um mês de antecedência (quando e marquei o dia para a transformação) eu já comecei a fazer um cronograma capilar mais puxado hidratando, nutrindo e reconstruindo uma vez por semana cada etapa. Na semana anterior eu fiz uma umectação com óleo de coco, e uma reconstrução com queratina liquida. Assim, quando eu cheguei no salão para descolorir meu cabelo estava forte e saudável.

Além disso, o profissional que fez a descoloração usou um produto que eu amei para diminuir os danos aos fios: o famoso Plex. Ele é muito conhecido como Olaplex fora do Brasil, mas no meu caso usamos uma marca nacional, e ele ajudou MUITO a manter a integridade dos fios. Essa foi uma das coisas que me deixou mais agradecida ainda de ter procurado um profissional para fazer esse processo.

A mistura do Plex no descolorante fez toda a diferença!

A mistura do Plex no descolorante fez toda a diferença!

Depois de descolorir foi a hora de brincar com as cores! E olha que não eram poucas. No meu cabelo foi usado Azul, verde, violeta, rosa claro e magenta – elas foram intercaladas na diagonal em todo o cabelo.  E para melhorar ainda mais, depois da coloração, ainda fizemos um tratamento capilar para ajudar a reestruturar o cabelo depois de todo esse processo. foi uma super hidratação que ajudou MUITO a sair do salão com os cabelos sedosos e macios.

galaxy hair descolorir sem estragar tratamento depois

A importância de tratar o cabelo antes e depois desse tipo de química é especialmente manter as cores bonitas. Imagina que brochante ficar 5 horas nesse trabalho e sair do salão com as cores murchinhas porque seu cabelo não aguentou o tranco? Pois é. Já aconteceu comigo. Mas dessa vez as cores sairam lindas, vibrantes e maravilhosas!

galaxy hair descolorir sem estragar Cabelo molhado

Esse vídeo saiu lá no meu canal, mostrado com mais detalhes todo o processo, então se você quiser ver mais, é só dar o play aqui 😀

Esse foi o resultado final assim que eu saí do salão. Mas com duas semanas, meu cabelo já está com a coloração diferente, porque afinal a gente lava e o shampoo afeta um bocado a cor por mais maravilhosa que a tinta seja.

Cabelo

Cabelos prontos e uma Du muito feliz

Nas próximas semanas vou falar um pouco mais sobre a vida e os cuidados com um cabelo coloridão desses para manter as cores bonitas e os fios saudáveis.

Um super beijo para vocês e até o próximo post!