Tudo sobre o filme Yves Saint Laurent

Follow my blog with Bloglovin

Hoje foi dia de ir assistir ao filme Yves Saint Laurent que estava sendo exibido no Festival Varilux de Cinema Francês. O festival aconteceu do dia 9 ao da 16 (hoje) e vários filmes bem legais estavam em cartaz. Infelizmente eu esqueci ( 🙁 ) e só deu para assistir um filme. Alguém viu outros?

festival varilux de cinema francês 2014

Eu já tinha visto o trailer (em francês) do filme sobre o YSL há algum tempo, mas como o meu francês é bem enferrujado, não entendi muita coisa hehe Assim que eu fiquei sabendo que seria exibido no Festival Varilux, não pensei duas vezes em me programar.

Queria saber um pouco mais sobre o gênio criador de um dos vestidos mais famosos do mundo. Lembra daquele vestido que parecia uma pintura geomátrica com listras pretas e quadrados azuis, amarelos e vermelhos? Ficou conhecido pelo nome ‘Mondriand’ e realmente teve inspiração em um quadro. Ah.. foi o vestido mais copiado da época. Imagina só o sucesso!

SINOPSE

Paris, 1957. Com apenas 21 anos, Yves Saint Laurent assume a famosa marca de alta costura fundada por Christian Dior, falecido recentemente. Em seu primeiro desfile triunfal, ele conhece Pierre Bergé, um encontro que irá mudar sua vida.

Distribuição no Brasil: Paris Filmes

2013 – Biopic – 1h46

RESENHA

Christian Dior deixou Yves responsável pela criação artística da marca após sua morte. Quando assumiu, YSL era muito novo e inexperiente e por isso existiam inúmeras dúvidas quanto a sua próxima coleção e até ele mesmo não sabia se conseguiria. Ao desfilar pela primeira vez suas peças, as críticas em cima dele foram duras, mas não o desanimaram.

Logo no início, conheceu Pierre Bergé, que foi seu braço (e perna e corpo e tudo) direito durante toda vida. Em vários momentos do filme eu me perguntei se eu seria capaz de me dedicar tanto à uma pessoa como fez Pierre com Yves. Era uma relação conturbada, mas que não existia dúvida quanto ao amor que um sentia pelo outro.

As cenas que mostravam o estilista fazendo seus croquis, provando as roupas nas modelos e os desfiles me deixaram encantada. Queria ter nascido naquela época para poder ver “ao vivo” tudo aquilo. Talento ele tinha de sobra. O que faltava era um pouco de juízo. Talvez, como ele mesmo disse, ele tenha começado a ter responsabilidades cedo demais e não aproveitou a vida como devia. O problema é que ele quis aproveitar tudo de uma vez.

A reviravolta da saída da Dior e criação da sua própria grife me deixou irritada, apreensiva e ansiosa. Como eu não conhecia a história a fundo e não sabia exatamente como as coisas tinham acontecido, fiquei super nervosa. Tiveram ainda várias traições que pensei que seriam fatais. Sem falar nos vários surtos…

Mas não vou contar muitos detalhes sobre o filme porque quero que todos assistam! É um filme realmente maravilhoso e que vale a pena cada segundo das 1 hora e 46 minutos.

Para quem gosta e se interessa por moda, este é um filme obrigatório da listinha. Não deixem de ver, ok? E depois contem aqui o que acharam!

Se você se interessou, assista ao trailer abaixo.

Tenho certeza que vai começar a pesquisar loucamente na internet o filme para baixar hehe

[box] [/box]

beijos