O 43º Bazar do Rema vai começar

O Bazar do Rema, a feira de Natal já tradicional em Brasília, está de volta, em sua 43ª. edição. De 5 a 8 de dezembro, no Estádio Mané Garrincha.

Como acontece todos os anos, somente durante quatro dias, das 10 às 22 horas, com exceção do último dia, quando terminará às 19 horas. Sempre com peças originais, bonitas, de qualidade e preços abaixo do mercado.

Desde as peças oferecidas nas 10 seções, até a comida servida no restaurante e os petiscos da lanchonete, tudo no Bazar do Rema é feito com muito esmero e carinho pelos frequentadores da Casa Espírita Recanto de Maria -Rema- localizada na QI 15, do Lago Sul. É o resultado do trabalho realizado o ano inteiro.

Mesmo para quem não estiver a fim de comprar, ir ao Bazar do Rema, conhecer o trabalho, ver as novidades, fazer um lanche será um passeio muito divertido. Tem estacionamento à vontade, gratuito, bem perto da feira. É só seguir a sinalização no Eixo Monumental, indicando a localização do Bazar, para chegar fácil.

São 10 seções, com grande variedade de peças: Natal; Infantil; Baby; Decoração; Cantinho do Lar (com itens úteis e lindos para o dia a dia da casa); Cantinho da Etiennette (uma casa de doces maravilhosa); Crochê (com produtos de cama e mesa); Bijuteria; Garage Sale, que mais parece loja de produtos novos; e Brechó, além do restaurante, com cozinha de primeira, já conhecido na cidade, e de uma lanchonete cheia de delícias.

Os trabalhos para preparação do Bazar do Rema já começam no primeiro semestre do ano, todos os domingos à tarde. A partir de julho, trabalha-se de segunda a quarta-feira à noite, sábado o dia inteiro e nas tardes de domingo. Tem equipes que preparam e pintam as peças de madeira, entre outras, verdadeiras obras de arte. Tem também os grupos que trabalham na marcenaria, no atelier de costura e fazendo as comidas servidas no restaurante e na lanchonete.

No Rema, ninguém tem retorno financeiro do que faz. Na verdade, todas as despesas do Bazar são custeadas pelos frequentadores da casa. Ao lado de uma pequena editora de livros espíritas, a feira natalina é a única fonte de renda que o Recanto de Maria tem para manutenção da instituição e realização de suas ações sociais.

A Casa não cobra mensalidade, dízimo, nem tem qualquer contribuição obrigatória. Quem deseja ajudar trabalha na produção das peças e comidas para o Bazar.Os mesmos frequentadores do Rema, que trabalham o ano inteiro, também carregam e descarregam os 12 caminhões para transportar as peças até o local do Bazar, atendem nas seções, servem às mesas no restaurante, atendem na lanchonete, lavam os pratos e arrumam tudo de volta quando acaba a feira.

As compras no Bazar do Rema podem ser pagas com dinheiro, cheque ou cartão de débito e crédito. Mais informações sobre a feira podem ser buscadas em nossas redes sociais.


Bazar do Rema

Estádio Mané Garrincha | De 5 a 8 de dezembro

Das 10 às 22 horas, com exceção do último dia, quando terminará às 19 horas.

Acesso pelo portão externo U, portão interno 2

Entrada franca | Estacionamento gratuito

www.facebook.com/bazardorema | www.instagram.com/bazardorema