Ser (colorida) ou não ser? Eis a Questão.

Pintar o cabelo de cores fantasia pode ser muito libertador. Você quebra muitos padrões, tanto de beleza quanto de comportamento, e tem muitas pessoas que se encontram completamente nesse estilo ao ponto de não se reconhecerem mais com o cabelo de cores naturais. Mas dar esse passo é algo muito importante e é um compromisso que exige cuidados e paciência diária (e não apenas com seu cabelo, viu?).

Então, depois de ver um monte de inspirações LINDAS aqui na semana passada, a vontade já existe e você está louca (ou louco) para virar um Arco-íris. Mas antes de mergulhar de cabeça na tinta é preciso considerar algumas coisas:

Ser colorida ou não ser - cuidados

Você está disposta a recuperar seu cabelo depois dos processos de tintura?

Conseguir o colorido dos sonhos é um processo um pouco pesado e que vai exigir um bocadinho do seu cabelo. Depois de descolorir você vai precisar cuidar do seu cabelo para que ele se recupere: vai precisar hidratar, nutrir, reconstruir e fazer tratamentos para que ele volte ao estado saudável.

Ser colorida ou não ser - manutenção da cor fantasia

Você está disposta a fazer manutenção da cor?

Tintas de cores fantasia desbotam, e nem sempre aquele rosa pink vai desbotar e ficar um rosa bebê lindo. As vezes ele vai se revoltar com você e ficar um laranja estranho (já aconteceu comigo gente. Não é legal…). Então para ter uma cor sempre linda, você vai precisar fazer banhos de brilho, tonalizar com frequência e por ai vai.Ser colorida ou não ser - convivência com cabelo colorido

Você vai ter paciência para algumas situações que acontecem quando você tem cabelo colorido?

Essa é uma pergunta bem importante. Ter cabelos de cores fantasia requer bastante tempo, carinho, amor aos cabelos e paciência. Você vai passar algumas situações inusitadas divertidas – por exemplo crianças pirando de alegria com o seu cabelo e querendo um igual – e outras nem tão legais que infelizmente pessoas coloridas ainda passam – por exemplo alguém que não dá crédito a sua inteligência porque você “É doidinha demais pra isso, tem até cabelo colorido”.  Essas duas foram situações que eu já passei, e apesar de me amarrar na primeira eu preciso de muita paciência e paz de espirito para aguentar a segunda.

Você vai passar apuros no trabalho por causa do cabelo?

Apesar de nós sabermos que a cor do cabelo não influência em nada a sua competência ou a sua inteligência, infelizmente nem todas as empresas aceitam muito bem ter um funcionário com cabelos coloridos. Se o lugar aonde você trabalha aceita numa boa, se joga na cor miga! Mas se você vai passar algum apuro no trabalho, pode ser arriscado se jogar nessa aventura de vez. Claro que tem outras alternativas para não abrir mão da cor nos seus cabelos e ainda evitar problemas com a chefia que não é fã dessa tendência, como ombreés, mechas escondidas e pequenos pontos de cor.

Pode parecer um pouco assustador no início, mas é bem mais tranquilo do que parece. E se é algo que vai te deixar feliz, esses cuidados vão se tornar uma rotina bem rápido e você vai amar cada vez que seu cabelo ficar com aquela cor brilhante e linda de novo! O importante é você se olhar no espelho e ficar feliz com a pessoa refletida lá 🙂

Um beijo para vocês e até o próximo post!